IML registra 22 homicídios durante o Carnaval



01/03/17 11h11   Diversos Imprimir

O Instituto Médico Legal (IML) registrou 22 homicídios durante os festejos carnavalescos em Sergipe. Os corpos foram removidos entre a sexta-feira, 24, e a madrugada desta quarta-feira de cinzas, 1º de março. Neste período, os homicídios representam 55% das mortes violentas notificadas pelo IML.

 

Entre as 22 vítimas, apenas uma foi atingida com golpes de arma branca: Aliomar Vieira dos Santos, 36, chegou a ser socorrido com vida, mas morreu no Hospital Regional de Lagarto. O corpo dele chegou ao IML às 4h15 da madrugada desta quarta-feira, 1º. Os demais crimes foram praticados com uso de arma de fogo.



O maior número de homicídios aconteceu na região metropolitana, entre os quais nove em Aracaju, dois em Nossa Senhora do Socorro e dois na Barra dos Coqueiros. O jovem José Augusto Gomes Messias, 18, foi morto a tiros no bairro Jardim Centenário, e o corpo dele foi removido às 20h11 da terça-feira, 28.



Também foram mortos em Aracaju Max Franklin Santos Almeida, 25, Roberto Tavares Guimarães, 41, Roberto Vieira dos Santos Silva, 28, Marcos Gabriel Santos da Cruz, 21, Adebilton Lima da Silva, 40, Carlos Henrique dos Santos Vieira, 20, Reginaldo dos Santos, 44, e um rapaz cujo corpo permanece sem identificação oficial no IML.



Outras vítimas

Também foram assassinados Wilken David Ramos Costa, 18, e Adriano Macena Tavares, 28, na Barra dos Coqueiros; Filomeno José Eduardo Neto e Carlos Matos de Jeus, 31, em Nossa Senhora do Socorro; Aduilson Pereira dos Santos, em Carira; José Fernando Snatana dos Santos, 35, em Ribeirópolis; Laerton Maciel dos Santos, 30, em Itabaiana; José Leandro Soares dos Santos, 20, em Itabaianinha; Thiago Oliveira Barreto, 30, em Tomar do Geru.



O IML também registrou as mortes de Antonio Rodrigo Santos Bomfim, 27, e Edzian Batista Oliveira, 28, ocorridas no Hospital de Propriá. Ambos foram vítimas de arma de fogo, mas a Polícia Militar informou que estes crimes teriam sido registrados em um município do Estado de Alagoas.