Henry Clay fala sobre Violência Pública na Câmara de Estância



22/11/17 09h34   Estância Imprimir
Na tarde dessa terça-feira, 21, a Câmara Municipal de Estância (CME) recebeu a visita do presidente da Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Sergipe, Henri Clay Andrade. Na oportunidade discorreu acerca da Violência Pública que vivencia o Estado de Sergipe (urbana e rural).  
 
 
O presidente Henry Clay assegurou que segurança pública tem sido uma preocupação constante da OAB. “Nós estamos vivendo uma violência cada vez mais crescente. Agora mesmo teve um dado estatístico oficial que o Estado de Sergipe passou a ser o Estado mais violento do Brasil. Isso é assustador. Isso corresponde a uma sensação de insegurança. Estamos andando nas ruas de cada município sergipano temendo ser assaltado, temendo até perder a vida”, pontuou o doutor Clay.
 
 
Enfatizou o déficit de policiais, disse da necessidade de implementação de uma nova política de segurança pública com ênfase na prevenção dos crimes por meio de uma polícia integrada e comunitária. “Nunca em Sergipe o povo ficou tão vulnerável, tão inseguro, tão apreensivo diante da violência que nos deparamos”, disse Clay. “Elegemos como uma prioridade de atenção institucional a questão da segurança pública, visando denunciar as mazelas, identificar os problemas cruciais e contribuir apontando propostas e sugestões ao Governo do Estado”, justificou o trabalho em tela.
 
 
Em sua preleção, Henry Clay enfatizou que é preciso que o Governo apresente para a sociedade um projeto de segurança que reúna um complexo de ações concatenadas.
 
 
“Nós defendemos que violência se combate com inclusão social. Que reúna educação, saúde, assistência social, cultura, esporte e polícia. Há necessidade de ser dada uma concepção melhor de polícia. Nós defendemos a polícia comunitária, que dialogue com o cidadão nos bairros, que o cidadão possa ter a polícia como parceira e não como estar, em condições precárias para combate o crime após o crime ter sido praticado. É preciso investir pesado em segurança pública porque é um serviço essencial do Estado e é um direito e garantia fundamental de todo cidadão”, grifou.
 
 
A sessão contou com a presença do presidente da OAB Seccional/Centro Sul, Marcos Vinicius Motta, de advogados da cidade, da região entre outros presentes.  
 
 
A Mesa Diretora, por meio do seu Presidente, André Graça, atendeu a solicitação da OAB Sergipe que pedira espaço para falar sobre Violência Pública.
 
 
Ascom CME
 
Assista  ao vídeo da exposição feita pelo presidente Henry Clay.  Deslize o play até o tempo de 24:30 e assista na íntegra. 
 
https://www.youtube.com/watch?time_continue=1457&v=R-hCqGix2CE