“Meu Sonho É Que Cada Município Tenha Uma Escola De Música”, Diz Eduardo



14/08/18 08h16   Política Imprimir

Incentivador da música como instrumento de transformação, o senador Eduardo Amorim (PSDB), candidato ao Governo de Sergipe, visitou no último sábado (11) a Sociedade Filarmônica Nossa Senhora da Conceição (a mais antiga do país) e a Sociedade Filarmônica 28 de Agosto (SOFIVA), em Itabaiana.

 

O parlamentar sempre buscou recursos para viabilizar a estruturação e aquisição de instrumentos musicais. No total, foram mais de R$ 5,1 milhões para o segmento. “Investir nas filarmônicas é investir na sociedade, já que a música leva diversos benefícios, principalmente aos jovens”, afirmou o parlamentar.

 

A Sociedade Filarmônica Nossa Senhora da Conceição, a mais antiga do país, recebeu R$ 350 mil em emendas destinadas por Eduardo nos mandatos de deputado federal e senador. Esses recursos possibilitaram a capacitação e aquisição de novos instrumentos e, consequentemente, a criação de novas turmas.

 

“São 640 alunos atendidos, seis grupos sinfônicos, cinco de câmaras e quatro de musicalização. Uma demanda que requer investimentos constantes para continuar promovendo nosso trabalho”, detalhou o presidente da entidade, Maestro Valtenio Alves de Souza.

 

A Sociedade Filarmônica 28 de Agosto (SOFIVA), que há quase 40 anos promove o desenvolvimento sociocultural da juventude em Itabaiana, recebeu R$ 100 mil para aquisição de novos instrumentos. “Atualmente contamos com cerca de 90 alunos. Graças a emenda, começamos a incorporar instrumentos sinfônicos. Conseguimos comprar vários instrumentos, entre eles, flautim, clarinetes, trompetes, trombones”, relatou o presidente de honra da SOFIVA, José Hipólito dos Santos.

 

Na percepção de Eduardo Amorim, a atividade musical de Sergipe é intensa e merece a criação de ambientes e projetos que fortaleçam o ensino da música. “Abraçamos o fomento da cultura por meio das filarmônicas. Meu sonho é que cada município sergipano tenha uma escola de música, pois a música é um instrumento de transformação”, salientou o senador.

 

Fonte e foto assessoria