Estância promove 3ª Conferência Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa



25/07/19 11h54   Estância Imprimir

Fonte: SECOM

Com o tema “Os desafios de envelhecer no Século XXI e o papel das Políticas Públicas”, foi realizada nesta quarta-feira, 24, a 3ª Conferência Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa, no Colégio Estadual Senador Walter Franco. Organizada pelo Conselho Municipal dos Direitos do Idoso (CMDI), e com o apoio da Secretaria da Assistência Social, o evento contou com a participação de representantes das entidades governamentais, representantes da sociedade civil, além de idosos dos Centros de Convivência e Fortalecimento de Vínculo Familiar Olga Benário (bairro Cidade Nova), Maria do Carmo Vilaça (bairro São Jorge) e Alegria de Viver (bairro Bomfim).


Presente ao evento, a prefeita em execício Adriana Leite, fez o uso da palavra. Ela deu as boas-vindas aos presentes e fez um breve relato do seu convívio com pessoas idosas, destacando o carinho e respeito com a sua saudosa avó, e com a sogra, revelando que a sabedoria de ambas vão mais além dos conhecimentos adquiridos nas faculdades. "Como professora e com meu olhar irrequieto de sempre buscar além das soluções clássicas necessárias para a melhoria das condições de vida de toda a população seja de que faixa etária for, vejo nesta Conferência, um belo objetivo. Melhorar a vida daqueles que por nós já fizeram e que agora é a nossa vez de por eles fazer.", frisou.



Na programação da conferência, após a leitura e aprovação do Regimento Interno, sob regência do professor Remisson Cruz teve a apresentação do Coral Vozes da Experiência, que é composto por idosos do Centros de Convivência Olga Benário e Maria do Carmo Vilaça. Em seguida, o presidente do Conselho Estadual do Idoso, Manuel Durval Andrade Neto conduziu uma palestra enfocando o tema do evento, além de apresentar os eixos norteadores da conferência: Direitos Fundamentais na Construção/ Efetivação de Políticas Públicas, Educação, Enfrentamento da Violação dos Direitos Humanos da Pessoa Idosa, e os Conselhos de Direitos.



A aposentada Josefina dos Santos, 73 anos, frequenta o Centro de Convivência Maria do Carmo Vilaça há mais de 30 anos. Ela disse que gosta de todas as atividades promovidas e se diverte muito. “Lá eu me sinto em casa. Não sei o que seria de mim se não participasse do grupo de idosos, porque lá a gente se sente muito feliz e bem ativa apesar da idade”, destacou.



“Todas as atividades são boas. Quando chegamos no grupo de idosos não existe tristeza por mais que a gente tenha algum problema. O astral é muito bom e contagia a todos. É a primeira vez que participo de uma conferência e acho isso importante porque temos que ficar por dentro dos nossos direitos”, explicou o aposentado José Esteves, 79 anos.



Na 3ª Conferência Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa serão apresentadas as conclusões dos grupos e se escolherá delegados que participarão da Conferência Estadual. Presentes no evento o presidente do CMDI, Elvis Messias dos Santos; a secretária da Assistência Social, Danielle Muhlert, e a adjunta da pasta, Marta Monteiro; o superintendente da SMTT, Cel. Enilson Aragão; e o coordenador do Núcleo Estanciano de Diversidade Sexual e Direitos Humanos, Carlos Alberto Lisboa.




PREFEITURA DE ESTÂNCIA