Estância encerra 31 dias de festejos juninos com gosto de quero mais



02/07/18 09h13   Cultura Imprimir

Fonte: SECOM

Foram 31 dias de festa com programação todos os dias, os festejos juninos em Estância, o “São João Mais Cultural do Brasil”. Quem mora na cidade ou visitou o município durante seus festejos teve o privilégio de desfrutar de muita cultura e intensas festividades com uma programação que contemplou atividades na cidade, no Arraial Zé Taquari, montado na Praça Barão do Rio Branco; assim como na zona rural, com a edição do Forró no Campo; além de shows musicais com artistas da terra e grandes nomes do cenário musical na Salva Junina ( 31 de maio) e véspera de São João (23 de junho), no Forródromo Rogério Cardoso. Somado a isso, manifestações culturais com a realização do cortejo cultural, apresentação das batucadas, concursos juninos (agências bancárias, bares e restaurantes, casas comerciais, comidas típicas, escolas mais animadas, licor, postos de gasolina, rainha do São João, rainha do São João Mirim, ruas mais animadas; melhor barco de fogo, concurso de espadas/melhor fogo); e a exibição de barcos de fogo e espadas que abrilhantaram as noites dando um espetáculo de luzes e cores.

 

Para o secretário municipal da Cultura e Turismo, Manoel Messias, realizar essa grande festa só foi possível devido ao equilíbrio das finanças do município. "Realizamos 31 dias de festa na cidade de Estância em função do esforço da administração do prefeito Gilson Andrade em equilibrar as finanças públicas no momento de crise econômica e investir na preservação da cultura e esse esforço fez com que o dinheiro circulasse no comércio. O São João foi positivo do ponto de vista cultural com o fortalecimento dos nossos grupos folclóricos, dos nossos fogueteiros e os nossos músicos, festividade de fazer inveja a todos os demais municípios com a nossa programação cultural", expressou o secretário.

 

Os forrozeiros curtiram com total segurança nesses 31 dias de festa que contaram com toda uma estrutura de segurança e mobilidade urbana graças a atuação efetiva da Guarda Municipal de Estância (GME), Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT), Defesa Civil, Polícias Militar, Civil, Corpo de Bombeiros e segurança privada.

 

Também participaram da assistência à festa, equipes de plantão da Secretaria Municipal de Saúde e equipes da Vigilância Sanitária, assim como da Secretaria Municipal da Assistência Social e Conselho Tutelar.

 

O prefeito Gilson Andrade (PTC) agradeceu o apoio de todos que se empenharam para que a festa acontecesse. Ele destacou que foi uma festa tranquila e que manteve as manifestações culturais, além de gerar trabalho e renda. "Além de um São João com segurança garantida, o município teve sua economia aquecida pelas vendas que movimentaram a comercialização durante a festa. Realizamos os festejos juninos com 31 dias de programação, mas com os pés no chão. Efetivamos 18 meses de salários pagos em dia e estamos com as contas equilibradas", destacou o prefeito.

 

A vendedora Valdete Santos que há mais de 16 anos comercializa produtos em eventos no município comentou sobre a movimentação no São João."Gostaria de parabenizar a administração pela organização e realização dos festejos juninos de Estância porque a realização dessa festa fortaleceu o comércio e possibilitou para nós integrantes da Associação dos Vendedores Ambulantes uma renda extra, e o movimento foi tão bom que superou as minhas expectativas", disse.

 

"Em nosso segundo ano de gestão conseguimos promover o resgate das nossas tradições juninas aqui no Arraial Zé Taquari e na Praça Barão do Rio Branco. Graças a esse esforço diariamente recebemos diversos turistas em nossa cidade para contemplar o barco de fogo, as espadas e os shows com nossos trios pé de serra. O resultado disso é que o nosso arraial já ficou pequeno para a grandiosidade dos nossos festejos", considerou o prefeito Gilson Andrade.

 

A moradora do bairro Alecrim, Verônica Silva, disse que a festa foi bem organizada, se divertiu muito e lamentou que já estava chegando ao fim a edição deste ano. "Achei muito bem organizada, o espaço tranquilo e não vi nenhuma briga. A segurança foi nota dez”, destacou.

 

A paulista Maria do Carmo, que pela primeira vez prestigiou os festejos juninos na Capital Brasileira do Barco de Fogo falou da emoção que sentiu ao acender o pavio do barco de fogo."Me senti muito lisonjeada em ter o privilégio de acender o pavio do barco de fogo. As pessoas me falavam sobre ele mas eu achava que era algo muito simples, e hoje vi que é realmente muito lindo. Foi um momento emocionante", destacou.

 

O "São João Mais Cultural do Brasil" organizado pela Prefeitura de Estância, através da Secretaria Municipal da Cultura e Turismo, e com o apoio do Ministério do Turismo valorizou a cultura local e apresentou para a população estanciana e turistas um mês de muita alegria e tranquilidade e sem dúvidas, um São João de paz, tradição e muita alegria.